Termas de Melgaço reabrem a 26 de abril após investimento de 5,5 milhões

O renovado Parque Termal do Peso, em Melgaço, vai reabrir a 26 de abril, cerca de uma década depois do encerramento e fruto de um investimento de 5,5 milhões de euros.

“Vamos finalmente reaproveitar os recursos daquele parque termal na área da saúde e do lazer, potenciando-o turisticamente”, afirmou o presidente da Câmara de Melgaço, Rui Solheiro.

A gestão do parque termal será assegurada pela empresa municipal que também já foi responsável pela sua recuperação, constituída em 2010 e na qual o município detém 51% do capital social, cabendo os restantes 49% ao grupo privado Casais.

“No acordo parassocial que fez parte do concurso público internacional que lançámos, ficou previsto que se se registassem resultados negativos o município não participaria. Por isso, a gestão é essencialmente privada, os lucros também e não corremos qualquer risco financeiro”, garante Rui Solheiro.

Trata-se de um investimento global que rondou 5,5 milhões de euros e que envolveu a requalificação integral do Parque Termal do Peso, que estava em avançado estado de degradação. O balneário principal foi fechado há cerca de uma década e os tratamentos chegaram a ser realizados num prefabricado.

A obra de recuperação e alargamento do balneário foi comparticipada por fundos comunitários em 71%, cabendo a comparticipação nacional à empresa privada. Nos arranjos exteriores foram investidos 600 mil euros, comparticipados em 85% por fundos comunitários, assegurando o município a componente nacional.